Rensoftware abre portas para estudantes ingressarem no mercado de trabalho por meio de estágio

Quatro acadêmicos compõem o quadro de estagiários e duas candidatas às vagas de estágio da empresa já foram efetivadas logo após o processo seletivo

 A iniciativa faz parte do programa de estágio da Rensoftware que acontece todo ano. A preocupação da empresa é a de oportunizar a experiência de jovens no mercado de trabalho.

Segundo a gerente de recursos humanos, Claudiene Borges, a seleção privilegia estudantes de todas as instituições de ensino superior de Araguaína. “Sabemos a importância do estágio para a vida profissional dos jovens que ingressarão no mercado de trabalho e ganhamos muito em abrir as portas para um aluno aberto à qualificação e sem vícios”, pontua a gerente.

Segundo a Associação Brasileira de Estágios, só 2,27% de 654.944 estudantes conseguem estagiar na região norte do país. Por meio da Rensoftware, Nayrton Bertoldo, entrou neste seleto percentual.

“Estou tendo uma grande noção de como é um emprego em uma grande empresa ligada ao ramo de tecnologia e como é criado e gerenciado o software”, revela o estudante do 3º período de Análise e Desenvolvimento de Sistemas do IFTO.

Para Renato Madeira, estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da FACIT, a oportunidade superou todas as expectativas. Empolgado, ele conta que é surpreendente tudo que já aprendeu no departamento de Desenvolvimento.  “Eu imaginava que seria muito bom para fixar meus conhecimentos teóricos da faculdade, mas está indo além disso e estou só no início”, destaca.

Estágio como porta de entrada para efetivação

A empresa tem mostrado interesse em efetivar estagiários conforme desempenho e abertura de vagas. Prova disso é que duas acadêmicas, que se inscreveram para o processo seletivo de estágio, foram imediatamente contratadas para compor o quadro de colaboradores ao final do processo seletivo.

Luana Nunes foi uma delas. Ela é estudante de Ciências Contábeis na UNITPAC e conta que a notícia foi uma grande surpresa. “Saí de casa na esperança de conseguir um estágio e recebo a notícia de que não era mais para ser estagiária e sim efetivada. Foi e está sendo tudo maravilhoso”, enfatiza.

A experiência da Myllena Oliveira, que é acadêmica de Administração no UNITPAC, foi parecida. “Também fui surpreendida pela empresa com a proposta de efetivação. Estagiar na Rensoftware já era algo que eu desejava há muito tempo e ser contratada trouxe uma grande alegria”, pontuou.

Luana Nunes, estagiária efetivada
Renato Madeira, estagiário
Nayrton Bertoldo, estagiário
Myllena Oliveira, estagiária efetivada


Deixe uma resposta