Esses são os principais erros de gestão nas novas empresas

Embora você tenha uma excelente ideia de negócio, sem a gestão adequada, a empresa não consegue alcançar o sucesso esperado. Logo, compreender quais são os principais erros de gerenciamento para evitá-los faz muita diferença.

Afinal, o caminho do gestor que conquista bons resultados é marcado pela eficiência das ações e bons resultados.

Quer entender melhor sobre esse assunto, não é mesmo? Então continue acompanhando o artigo atentamente.

Boa leitura!

1. Não elaborar o planejamento

É comum que a gestão de novas empresas deixe de lado o planejamento estratégico do negócio. Afinal, a ansiedade em abrir as portas e começar a vender é grande.

Mas a falta desse plano, ou seja, a inexistência da visão do futuro e das metas da empresa coloca o empreendimento em uma posição ruim, já que não há direcionamento adequado para ser seguido.

O planejamento não é indispensável apenas para o lançamento da empresa. Esse componente também é fundamental no decorrer da vida do negócio, pois impede que o empreendimento fique perdido pelo caminho.

Sendo assim, é essencial que a gestão de empresa pense no planejamento para evitar grandes prejuízos.

2. Não investir nos benefícios da tecnologia

Entenda que os recursos tecnológicos possibilitam a automação de processos com o objetivo de otimizar o gerenciamento de uma empresa, ou seja, o software de gestão proporciona benefícios claros para o negócio.

Quando o empreendimento conta com automação em sua rotina, recursos e tempo serão economizados, consequentemente criam-se circunstâncias favoráveis para que o gestor consiga investir seu tempo no desenvolvimento do negócio.

Contudo, é comum que a gestão em novas empresas não pense, logo de cara, em adotar essas ferramentas. Muitas vezes alegam a falta de recursos. Só que isso é perigoso.

Além dar mais agilidade a todos os processos da empresa – vendas, emissão de notas fiscais, apuração das contas a pagar e receber, entre tantos outros – a automação ainda permite que as empresas cumpram com as obrigações que toda empresa tem junto aos poderes públicos

3. Negligenciar o controle financeiro

A atividade de gerenciar as finanças do negócio é complexa e é justamente nessa questão que os empreendedores erram, pois misturam os gastos pessoais com as contas do empreendimento.

A gestão de novas empresas também deve se atentar ao fluxo e ao controle de caixa do negócio, ou seja, pensar no dinheiro que entra e sai do empreendimento, já que, ao desconhecer e não controlar essas contas, o resultado são prejuízos financeiros.

E neste ponto, mais uma vez o uso de um software de gestão é fundamental, porque é ele quem vai organizar tudo de forma automática e entregar relatórios objetivos sobre a saúde financeira da sua empresa.

4. Estagnar-se em modelos de negócio ultrapassados

Compreenda que a gestão de uma empresa que considera modelos de negócios que faziam sucesso anos atrás acaba cometendo um erro gravíssimo, já que muita coisa mudou nos últimos anos.

Ao se basear nesses sistemas, certamente o negócio se limita.

Pense em serviços de streaming como a Netflix ou o Prime Video, cuja proposta é proporcionar acesso a diferentes tipos de mídias, como séries e filmes. Durante alguns anos, essa atividade era realizada pelas locadoras.

Contudo, essas empresas revolucionaram o negócio, que agora é muito mais simples e acessível.

Logo, a gestão em novas empresas deve pensar não no que está sendo feito, mas sim em como está sendo realizado.

5. Ignorar a evolução do mercado

A gestão da empresa que não acompanha as mudanças do mercado acaba perdendo oportunidades, e consequentemente são superadas pela concorrência. Para evitar esse erro é essencial manter-se atualizado sobre as demandas do segmento.

O gerenciamento precisa acompanhar:

  • A alteração do perfil e das necessidades dos clientes
  • A nova concorrência
  • Tendências do setor
  • Novidades sobre os recursos tecnológicos.

Gostou deste texto? Continue acompanhando o nosso site e veja os nossos principais produtos: www.easyren.com.br



Deixe uma resposta