Conheça os principais vícios em gestão que derrubam o faturamento - Rensoftware

Conheça os principais vícios em gestão que derrubam o faturamento

Cada vez mais brasileiros desejam empreender e abrir seu próprio negócio. No entanto, nem todo mundo se prepara adequadamente para esta grande responsabilidade que é gerenciar um negócio.

Nesse artigo iremos falar sobre alguns vícios em gestão que podem causar prejuízos para o seu negócio. Leia até o final e compartilhe!

Foco na teoria e falta de atenção à prática

Muitos querem ser seus “próprios patrões”, mas nem todos têm a experiência e o conhecimento necessário, infelizmente.

E empreendedorismo é, antes de tudo, prática. Os desafios e as atividades diárias para manter uma empresa são aquilo que vai deixar um empresário mais preparado para aumentar o lucro de seus negócios e viver bem o dia a dia da empresa.

Sendo assim, o constante aprendizado que chega com a rotina de um negócio é muito importante. E quanto mais o empreendedor conhecer os princípios de uma boa gestão de negócios, melhor para seus lucros.

Se prender ao passado é o pior inimigo de sua empresa

Quando um negócio se torna operacionalmente dependente de seu dono e tem base em sua figura, isso pode ser perigoso.

Muitas vezes o empresário acaba focando em tanta coisa que acaba deixando de lado aquilo que deveria ser sua preocupação. Muitos deixam de focar em pontos importantes, por pura falta de gestão adequada.

É muito comum que os empresários se baseiem em experiências anteriores, mesmo que seus números estejam ruins e há problemas. Muitos métodos podem ter funcionado no passado, mas não quer dizer que serão adequados nos problemas atuais.

Há, inclusive, o caso de proprietários que se fecham para o novo e não aplicam melhorias importantes para seus negócios. Esses procedimentos podem ser chamados de vícios de gestão.

Vícios de gestão que fazem mal ao faturamento

Existem vários vícios de gestão que podem fazer mal ao faturamento de qualquer negócio. A seguir, iremos mostrar alguns deles:

1. Se fechar para o novo

Acontece quando o empreendedor acredita que sabe como tudo funciona em sua empresa e como resolver as coisas. Assim, ele não se abre para novas soluções e nem para aquilo que o mercado pode apontar como resolução de questões importantes para o negócio.

2. Acreditar que sabe como o seu mercado funciona

Muitos empresários acreditam que estão em um ramo de atuação mais complicado do que os outros. Sendo assim, não compreendem que há problemas de gestão (os vícios) que são iguais em qualquer empresa. Isso porque eles têm a ver com a administração do negócio em si.

Dessa forma, é importante ter em mente que o mercado muda constantemente.

E não é possível manter o lucro de uma empresa sem se adequar ou sem tentar compreender minimamente as mudanças pelas quais eles passam, sejam elas de mentalidade dos consumidores ou utilização de novos equipamentos para executar antigas tarefas, por exemplo.

É preciso se adequar aos novos processos.

3. Não fazer análise de dados

Analisar dados pode demandar algum tempo e não ser divertido. No entanto, é fundamental para conhecer os rumos da empresa e o que o consumidor está mostrando para você.

Revisitar informações antigas e analisá-las é fundamental para compreender de verdade onde aplicar ou mudar ações, investir em inovação e conhecer e impedir que haja problemas.

4. Não investir em tecnologias para gestão

A tecnologia está presente em tudo nos dias de hoje e não poderia ser diferente quando o assunto é gestão. Por isso, é um grande erro não investir em automação comercial.

O investimento em um software de gestão é fundamental para que você consiga administrar uma empresa, reduzindo os riscos de cometer grandes erros de contabilidade, entre outros.

O EasyRen é um exemplo de software que pode ajudar muito na gestão de seu empreendimento.

Este conteúdo foi interessante para você?

Agora que já conhece os principais vícios em gestão que podem derrubar o faturamento de uma empresa, visite nosso site (www.easyren.com.br) e conheça nossos produtos. Entre em contato para tirar dúvidas ou solicitar um orçamento. E não se esqueça de ler outros artigos em nosso blog.



Deixe uma resposta