Afinal, como funciona o certificado digital no eSocial?

O eSocial (Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas) é uma ferramenta que faz com que a comunicação entre os empregadores e o governo seja totalmente eletrônica e unificada.

Por meio do sistema, os empregadores podem compartilhar com o Estado todos os dados relativos aos seus funcionários, como folha de pagamento, aviso prévio, contribuições previdenciárias, dentre outros.

No entanto, para garantir que as informações transmitidas pela internet estejam seguras, é necessário contar com uma tecnologia capaz de validar e autenticar os dados, como é o caso do certificado digital.

Mas, afinal, como funciona o certificado digital no eSocial? Continue lendo e entenda a importância dessa tecnologia para a troca de informações trabalhistas.

O que é e quais os tipos de certificado digital

O certificado digital é uma tecnologia que permite o compartilhamento de dados de forma segura e confidencial. Além do mais, a ferramenta é capaz de garantir que as informações transmitidas são autênticas e verdadeiras.

Trata-se de um documento único emitido por diversas empresas privadas e que também tem outras utilidades, que podem facilitar a rotina das organizações.

Existem diversos tipos de certificados digitais, sendo que os dois mais comuns são:

  • A1: é um arquivo de identificação utilizado para assinar documentos eletronicamente, bem como para fazer transações. Tem baixo custo e pode ser armazenado no próprio computador;
  • A3: a diferença desse tipo para o primeiro é que ele possui uma gama maior de aplicações. Além disso, conta com uma segurança adicional, já que os dados ficam salvos em um pendrive ou microchip externo.

Como funciona o certificado digital no eSocial

O recurso utilizado para que o certificado digital tenha validade no eSocial é conhecido como assinatura digital. Ela conta com uma tecnologia de criptografia capaz de validar todas as informações, comprovando a identidade tanto das empresas, quanto dos trabalhadores.

Para obter um certificado, o empregador deve escolher uma certificadora conveniada à Receita Federal. Após realizar a compra pela internet, é necessário concluir o processo em uma agência a fim de validar o produto.

Qual a importância da ferramenta?

A era em que vivemos é marcada pela constante troca de dados via internet. Para garantir a segurança dessas informações e para validar o que elas apresentam, nada mais apropriado do que a existência de uma tecnologia à altura.

O certificado digital é uma delas. E não é difícil entender a importância dessa ferramenta, uma vez que o eSocial reúne dados de, aproximadamente, oito milhões de empresas e mais de 40 milhões de trabalhadores brasileiros.

Diante disso, o uso do certificado digital garante que todas essas informações sejam transmitidas com segurança, confidencialidade e autenticidade. Por isso mesmo ele já se tornou obrigatório para empresas de todos os portes que utilizam o eSocial, o que mostra o quanto a tecnologia é fundamental na transmissão de informações pela internet.

Adquirir o certificado digital é o primeiro passo para que as empresas se adequem ao eSocial. Assim, a fiscalização do cumprimento das leis trabalhistas terá um aliado a mais.

Gostou do texto? Acesse outros conteúdos e descubra softwares e produtos Rensoftware de alta qualidade!



Deixe uma resposta