4 erros de gestão empresarial que você deve evitar agora mesmo

Quer melhorar sua gestão empresarial? Então esse artigo foi escrito para você!

Nós, da Rensoftware, vamos lhe apresentar alguns erros comuns na lida com os negócios. Agradecemos a você por nos considerar como fonte de informação para essa questão.

Esperamos que esse conteúdo seja bastante útil para você!

1. Má tomada de decisão

O primeiro erro de gestão empresarial que queremos lhe apresentar é a tomada de decisão não assertiva.

Empresas precisam tomar decisões o tempo todo. Mas qual caminho seguir, A ou B? Qual software contratar, C ou D? É melhor colocar em circulação a campanha X ou Y? E, nesse contexto, o espaço para cometer erros é tremendo.

Veja alguns fatores que contribuem para o erro:

Prazos apertados

Muita emoção, pouca razão

Não pensar nas consequências

E muitos outros. A má notícia é a seguinte: é provável que você tome más decisões ao longo da sua jornada de gestão.

A boa: elas não precisam ser definitivas. Uma vez que elas se convertam em ação, o que há para fazer é corrigir e melhorar na próxima, o mais rápido possível. O que nos leva ao próximo erro.

2. Falta de informação

Outro fator que influencia na má tomada de decisão. E o que é essa falta de informação da qual estamos falando?

O que é preciso saber, por exemplo, para contratar o software C ou D, do tópico anterior?

Os fatores podem ser muitos e o tempo pode ser escasso. Por isso, quanto mais rápido reunirmos a informação, melhor. Vamos ver algumas?

Quais os softwares do gênero disponíveis no mercado?

O que eles oferecem?

Do que precisamos?

Quanto eles custam?

Qual o orçamento da nossa empresa?

Só nessa breve reflexão, encontramos cinco pontos cruciais. Mas há muitos outros, acredite. E informação demais também não é bom: pesquisar o melhor preço por tempo em excesso pode ocasionar na perda de uma boa oportunidade.

O que nos leva a outro erro.

 3. Falta de planejamento

No mundo dos negócios, é preciso ter um excelente planejamento. Ou seja, ele precisa ser muito bem definido. E é por isso que se criam conceitos como a meta SMART, acrônimo em inglês para meta específica, mensurável, atingível, relevante e temporal.

Um exemplo é o seguinte: “Precisamos contratar um software de gestão empresarial até o primeiro dia do próximo mês, que nos custe até R$ 2 mil por mês”.

Uma meta assim poderia facilmente fazer parte de um planejamento maior, que incluísse a empresa em questão tornar-se referência em seu ramo. Assim como ser quebrada em passos menores, como fazer uma pesquisa prévia na internet antes de realizar ligações.

4. Falta de um software de gestão empresarial

Todos os erros que citamos ao longo do texto podem ser mais facilmente evitados com o emprego de uma ferramenta que vem ficando cada vez mais comum: os softwares de gestão empresarial.

E muito mais pode ser feito com eles: emissão de nota fiscal, manter-se em dia com o fisco, centralização de dados estratégicos, etc.

Aproveitamos a oportunidade para lhe apresentar uma ótima opção de sistema de gestão para sua empresa: o EasyRen!

100% web, leve, seguro e fácil de usar. E tem tudo o que sua empresa precisa!

Acesse e conheça mais: www.easyren.com.br

 

 

 



Deixe uma resposta